terça-feira, 26 de julho de 2016

Mensagem de Nossa Senhora, Maria Santíssima

Filhos queridos, compadeço-me das vossas dores, temo pelo que virá sobre todos neste plano, pois não ouviram minhas rogativas. Quanto orei por vós pequeninos, mas ensurdeceram-se pelo orgulho que os tomou como inimigos de vossa própria salvação. Choro lágrimas de sangue e permaneço de joelhos aos pés do Senhor para que tenha misericórdia de vós. Quanto queria que no último momento se entregassem em meus braços, dói demais vê-los passar por tudo que há de vir. Não duvideis meus queridos, a misericórdia de Nosso Senhor Jesus Cristo é suprema, mesmo com toda a maldade espalhada sobre sua criação. Confiem e permaneçam convictos de vossos chamados. Não vos entregueis nesse derradeiro momento. Estou convosco e o Senhor está comigo. Não sei quanto mais poderei segurar o braço do Pai, por isso arrependei-vos e clamai por sua santa misericórdia. Orai pela humanidade, pelo vosso país e por todos os irmãos sofridos. Lembrem sempre que o medo os tocar, eu estarei sempre ao vosso lado.

De Vossa Mãe.