sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Nova era...



Sondam a realidade insondável dos vossos destinos. Tentam cruzar a fronteira que nem ao filho do homem foi dado autorização. Até quando insistirão em subjugar a natureza divina da vossa existência...A vida sempre foi uma dádiva gratuita entregue a vós como forma de introduzi-los no caminho da divindade eterna. Religiões e mais religiões se espalham por toda a terra, cada uma com suas verdades absolutas sobre os homens e sobre Deus. Escritos sagrados foram deixados a vós e mesmo assim entendem tudo convenientemente às vossas necessidades mundanas. As verdades de que precisam brotam de vossos corações quando emersos de todas as mazelas da humanidade. Não há preteridos, nunca houve filho mais querido para Deus, e todos gozam das mesmas condições para adentrar o seu reino eterno. Filhos queridos, passam-se as horas e vossas atitudes ainda persistem em um alto grau de orgulho e vaidade, não percebem como sois alertados diariamente por terdes passado do limite? Não vês que Deus está gritando a ti que te posiciones  realmente como filho e irmão, nunca como algoz de vossos semelhantes. Orem, pedindo sempre lucidez e sabedoria para que saibam sempre discernir entre o mal e o bem. Grandes revelações vos serão  feitas nessa era que se inicia. Sabeis bem que não passaram apenas por mais uma transição anual do vosso calendário. Vossos dons espirituais te previnem sempre que há algo diferente neste novo ano. Te dizemos em verdade que vossas angústias terão fim, mas ao preço da vossa fidelidade à obra divina. Sempre te dissemos que seria passageiro tuas dores, porém sempre duvidou, pois é chegada a hora da prestação de contas. Concentrem-se muito em vossas intuições, elas te levarão ao altar do senhor em breve para que presteis vossas contas pessoalmente. Fique sempre na serenidade do espírito santo do senhor.




Hianael